Capela de Nossa Senhora d’Ajuda

A Casa da Câmara e Cadeia é a história que permanece viva bem no centro de Cachoeira. Ali, D. Pedro I foi aclamado Príncipe Regente Perpétuo do Brasil, após uma sessão extraordinária no dia 25 de junho de 1822, dando início às guerras pela Independência. Foi bem em frente que as primeiras batalhas contra as tropas portuguesas começaram, mudando para sempre os rumos da história do Brasil. Hoje, o heroísmo do povo cachoeirano é rememorado nessa mesma data, na qual a cidade se torna capital da Bahia por um dia, seguindo a Lei Estadual n. 10.695/2007, baseada no projeto da então Deputada Estadual Lídice da Mata.

Histórico:

 

O prédio da Câmara e Cadeia, de estilo barroco, foi construído entre os anos de 1698 e 1712. Situado estrategicamente no centro da vila, concentrava todas as atividades relacionadas à administração pública. No mesmo espaço funcionavam a Câmara de Vereadores, a guarda policial e a cadeia pública, estas últimas na parte inferior. Durante o período imperial, porém, a partir de 1824, o prédio, assim como muitos outros em todo o território brasileiro, passou a comportar apenas a Câmara de Vereadores. Ao mesmo tempo, fóruns e cadeias públicas começaram a funcionar em locais independentes.

 

Além do papel decisivo nas primeiras articulações pela independência do Brasil, a Casa da Câmara e Cadeia de Cachoeira também teve outros episódios relevantes. Durante a revolta da Sabinada, por exemplo, em 1837-1838, foi sede do Governo Legal da Província.

 

Atualmente, o prédio segue funcionando como Câmara de Vereadores. As sessões ordinárias acontecem todas as segundas-feiras, às 19h, no Salão Nobre, no primeiro andar. O espaço que antes era destinado à cadeia pública abriga hoje o Museu da Câmara, podendo ser visitado gratuitamente. Além do museu, no Salão Nobre estão expostas peças de grande valor histórico, como “O retrato de D. Pedro I”, de André Couto, e “O primeiro passo para a independência da Bahia”, de Antônio Parreiras.

© 2020 Cachoeira Patrimônio e Memória

Desenvolvido por VINICIUSCASTRO