Estação Ferroviária de Cachoeira

É bem difícil visitar Cachoeira e não dar uma olhada na Estação Ferroviária, um dos cartões postais da cidade, próxima ao Rio Paraguaçu. Inaugurada antes mesmo da Imperial Ponte D. Pedro II, integrava a Linha-Sul, formada por vias férreas quase todas originais do século XIX, que servia para ligar o leste brasileiro. Atualmente, apenas alguns trens cargueiros passam pela estação.

Histórico:

 

A Estação Ferroviária de Cachoeira foi aberta em 1876. Como na época ainda não existia uma ponte sobre o Rio Paraguaçu (a Imperial Ponte D. Pedro II só foi inaugurada em 1885), não havia a possibilidade de fazer uma ligação com São Félix. Após a inauguração da ponte, a estação passou por uma reforma, e o prédio tornou-se mais suntuoso.

 

Porém, alguns problemas persistiam. Como a estação ficava bem à margem do rio, a linha foi obrigada a fazer uma curva fechada, que dobrando à esquerda à saída da ponte, dificultava o trajeto dos trens. A solução foi a construção de um rabicho, uma haste com manobra de 230m de comprimento dentro da Rua Manoel Vitorino. Os trens entravam nesse rabicho, faziam a manobra e de lá seguiam para Feira de Santana.

 

Os trens de passageiros, no entanto, não passavam pela ponte. Então, para seguir de São Félix para outras localidades adiante, os passageiros deviam cruzar a ponte de outra maneira e pegar o trem novamente na Estação Ferroviária de São Félix.

 

Até o início dos anos 2000 uma cena comum em Cachoeira era a passagem do trem pelas ruas Manoel Vitorino e Virgílio Damásio. Muitas vezes, quando os trens tinham mais de 17 vagões, era preciso fazer manobras para separar as máquinas dos vagões. Essas operações chegavam a durar até 3 horas e meia, se não houvesse nenhum imprevisto, o que acabava congestionando o trânsito tanto em Cachoeira como em São Félix.

 

Atualmente, tanto a Estação Ferroviária quanto a Ponte D. Pedro II estão passando por um processo de reforma, iniciado em janeiro de 2019. Após as obras, o espaço será utilizado como Centro de Cultura e Arte de Cachoeira, além de alocar a Guarda Municipal, a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros.

 

Referência:

 

http://www.estacoesferroviarias.com.br/ba_monte%20azul/cachoeira.htm

© 2020 Cachoeira Patrimônio e Memória

Desenvolvido por VINICIUSCASTRO